O verdadeiro objetivo do conhecimento profético se alcança apenas pela reforma interior, e não pelo conhecimento acumulado em si mesmo.

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2008

Exoteologia - outros aspectos - Kardecismo

(clique nas imagens do Blog para amplia-las)


Não deixe de ler o post inicial sobre EXOTEOLOGIA.



A Doutrina Kardecista (ou Espírita) iniciou-se no Século 19, inspirada nos Estudos de Alan Kardec, pseudônimo adotado por Hyppolyte Leon Denizard Rivail, e tem como um de seus postulados básicos a pluralidade de mundos habitados.

Hyppolyte Leon Denizard Rivail

conhecido por seu pseudônimo
Allan Kardec


O Livro dos Espíritos, obra básica da Doutrina escrita por Kardec e publicada em 1857, realizada através de entrevistas orientadas a médiuns, registra não só que existem variados mundos no Universo, como afirma que a vida é um processo abundante e incessante, inclusive a vida inteligente.

No Capítulo 3 do Livro, que versa sobre a CRIAÇÃO, é dito : “O Universo abrange a infinidade de Mundos que vemos e aqueles que não vemos, todos os seres animados e inanimados, todos os astros que se movem no espaço e os fluídos que os preenchem”.


Observação : É interessante notar que também a Matéria Escura e/ou Energia Escura, podem estar sendo mencionadas de alguma forma quando se menciona “fluídos”.


Ainda no Capítulo 3, na pergunta 55, é questionado : “Todos os globos que circulam no espaço são habitados ?

Sim
, e o homem da Terra está longe de ser, como pensa, o primeiro em inteligência, bondade ou perfeição. Entretanto há homens que se julgam superiores a tudo e imaginam que somente este pequeno globo tem o privilégio de ter seres racionais. Orgulho e vaidade !! Acreditam que DEUS criou o Universo só para eles

Nota do Livro : Deus povoou os mundos com seres vivos, todos convergindo para o objetivo final da Providência. Acreditar que só existem seres vivos no planeta que habitamos seria colocar em dúvida a sabedoria de Deus, que não faz nada inútil. A cada um desses mundos Deus deve ter dado uma destinação mais séria do que divertir as nossas vistas. Nada, aliás, nem pela posição, nem pelo volume, nem pela constituição física da Terra, pode razoavelmente fazer supor que seja a única a ter o privilégio de ser habitada, com exclusão de tantos milhares de mundos semelhantes.”


Em outra Obra básica da Doutrina, O Evangelho Segundo o Espiritismo, também publicada por Kardec em 1864, há um Capítulo que versa sobre os Mundos habitados, e sobre a condição moral e intelectual de seus habitantes.

Diferentes categorias de mundos habitados


3. Do ensino dado pelos Espíritos, resulta que muito diferentes umas das outras são as condições dos mundos, quanto ao grau de adiantamento ou de inferioridade dos seus habitantes. Entre eles há-os em que estes últimos são ainda inferiores aos da Terra, física e moralmente; outros, da mesma categoria que o nosso; e outros que lhe são mais ou menos superiores a todos os respeitos. Nos mundos inferiores, a existência é toda material, reinam soberanas as paixões, sendo quase nula a vida moral. A medida que esta se desenvolve, diminui a influência da matéria, de tal maneira que, nos mundos mais adiantados, a vida é, por assim dizer, toda espiritual.


4. Nos mundos intermédios, misturam-se o bem e o mal, predominando um ou outro, segundo o grau de adiantamento da maioria dos que os habitam. Embora se não possa fazer, dos diversos mundos, uma classificação absoluta, pode-se contudo, em virtude do estado em que se acham e da destinação que trazem, tomando por base os matizes mais salientes, dividi-los, de modo geral, como segue: mundos primitivos, destinados às primeiras encarnações da alma humana; mundos de expiação e provas, onde domina o mal; mundos de regeneração, nos quais as almas que ainda têm o que expiar haurem novas forças, repousando das fadigas da luta; mundos ditosos, onde o bem sobrepuja o mal; mundos celestes ou divinos, habitações de Espíritos depurados, onde exclusivamente reina o bem. A Terra pertence à categoria dos mundos de expiação e provas, razão por que aí vive o homem a braços com tantas misérias.”


A Obra e seu Autor defendem a existência de uma classificação geral, que pode ser aplicada aos diversos Mundos habitados do Universo.

Esta classificação abrange 04 estágios que na verdade não são absolutos, pois seguindo a Lei da Evolução, estes Mundos irão evoluindo no decorrer das Eras para estágios mais avançados. A própria Terra já esteve na condição de Mundo inferior, e chegará algum dia a condição de Mundo de Regeneração.

É interessante notar que um aspecto que também denota esta classificação é a longevidade de seus habitantes, pois quanto mais avançado moralmente e intelectualmente o Orbe, maior a expectativa de vida de seus habitantes.

Os 4 estágios :

- Mundos inferiores
aonde a brutalidade e o instinto imperam, não há tecnologia e nem Sociedades formadas.

- Mundos de Provas e expiação
nosso planeta está neste estágio, que se caracteriza pelo predomínio da inteligência sobre o instinto, mas ainda com os enormes “vícios” da condição primitiva de existência.

- Mundos de Regeneração
são Mundos em que o espírito forma um conjunto harmônico com a inteligência, em que o Ser liberta-se ainda mais da condição animal de existência. Ainda não existe a felicidade perfeita, e ainda existem dificuldades a serem vencidas, mas já se experimenta uma expansão da consciência. Ainda existe o mal, mas como condição de absoluta exceção.

- Mundos Superiores
são Mundos de felicidade e consciência quase plenas. A forma corpórea ainda existe, mas é embelezada, aperfeiçoada e sobretudo, purificada. O corpo nada tem da materialidade terrestre e não está sujeito às necessidades, nem às doenças ou deteriorações que a predominância da matéria provoca. Os sentidos são aptos a percepções a que neste mundo são impossíveis. A sutileza do corpo permite locomoção rápida e fácil: em vez de se caminhar, “desliza-se” pela superfície ou plana na atmosfera, sem qualquer outro esforço além do da vontade. O desenvolvimento dos corpos é muito rápido o que torna praticamente nula a infância, e a longevidade da vida é muito maior do que na Terra.


Postas as premissas acima, e como ditas BÁSICAS dentro da linha de pensamento e religiosidade do Kardecismo, não há qualquer dúvida que para a Doutrina e seus seguidores, o Universo está repleto de vida em variados graus e em variados Mundos.

Há Mundos com vida inteligente, muitos deles com civilizações mais avançadas que a nossa, enquanto há outros cuja a vida e a civilização encontram-se mais atrasados do que nós mesmos.

Não há necessidade de uma grande análise da questão porque os escritos realizados há 150 anos por Kardec são diretos : O Universo fervilha de vida.


Espíritos ou Extraterrestres


Há que se distinguir “Espírito” que possue corpo fluídico, de “Extraterrestre” que é ser de corpo físico.

Ainda para o Kardecismo e em termos simples, o espírito pode habitar em todo o Universo pois a matéria não lhe é mais uma limitação.

Mas o extraterrestre não, pois necessita das condições para viver, de acordo com sua própria natureza. Ar ou água, temperatura, pressão; tudo isso lhe limita a condição de habitabilidade, como acontece com qualquer ser corpóreo.

Tudo o quanto falamos acima refere-se a seres corpóreos ou extraterrestres.


OBSERVAÇÃO : Você já ouviu falar no Corpo Celeste Intruso e o primeiro post deste Blog sobre Inversão e Verticalização fala sobre o suposto astro.

Dentro da visão Kardecista, a passagem deste corpo celeste seria basicamente a promoção de nosso Mundo a outro grau evolutivo, através da desencarnação em massa daqueles que, em matéria, estão em desacordo moral com este novo estágio evolutivo que se aproxima.

Estes que desencarnam não estarão abandonados, alguns ainda permanecerão ligados a nosso Mundo e novamente nascerão por aqui, enquanto outros serão destinados a Mundos compatíveis com seu próprio grau evolutivo, de forma a contribuirem para o avanço destes Mundos mais atrasados.

O processo foi descrito primeiramente no Livro Exilados de Capela.




Não deixe de ler o post inicial sobre EXOTEOLOGIA.




(clique nas imagens do Blog para amplia-las)



Compre o Livro "O que são Profecias"

Compre o Livro "O que são Profecias"
Links para Compra do Livro

Participe do MidiaeProfecia Espaços

Conheça os arquivos da Comunidade Profecias

Contato

Minha foto
Curioso sobre Profecias e assuntos relacionados.